AAC – Segurança: precisa-se

A segurança do Edifício AAC tem sido posta em causa dia a dia. Ou melhor, noite a noite.

Já não chegava extintores despejados, casas de banho vandalizadas, e etc, para agora dar origem a focus de violência.

A poucos dias de terminar o ano, seguranças e clientes do bar foram agredidos por um indivíduo. Ameaçando voltar, instalou uma clima de maior insegurança.

Ora, esses indivíduos que não são sócios e nada têm a ver com a AAC, ainda mais referenciados já na noite pelos distúrbios que fazem, não podem ter acesso ao Edifício. PONTO FINAL.

Todos já perceberam a atitude passiva da Direcção Geral face problema. O certo é que a situação tem de ter uma resolução…já! Para segurança de todos, inclusive dos próprios seguranças que fazem serviço na AAC.

Medidas urgentes têm de ser tomadas, haja coragem. E cameras de vigilância para a entrada principal do Edifício. Não tem jeito nenhum às terças, quintas, sextas e sábados o Edifício ter um fluxo elevado de gente e não haver qualquer control. Há cameras dentro do bar, mas não há à entrada. Opah…

Este episódio recente, que podia ter outros protagonistas ou consequências mais graves, não podem acontecer mais.

Haja o que houver, haverá um actual responsável: Eduardo Melo. Presidente da Direcção Geral da AAC.

Anúncios
This entry was posted by Paulo Abrantes.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: