Insegurança volta à AAC

As medidas de inicio tomadas, controlo de entrada com cartões de estudante, foram apenas para mandar areia para os olhos de todos. Já estas ultimas noites o próprio administrador e presidente, eles próprios, comunicaram à empresa 365 para não pedirem cartões de estudante e deixarem entrar toda a gente.

Esta ligação promiscua, e perigosa, que mete em jogo a segurança no Edifício e de quem lá trabalha, teve na noite de sábado mais um triste episódio.

Arrombaram portas, no 1º Piso, nas instalações do TEUC, CITAC e ORFEON. A PSP esteve na tarde de ontem (domingo) na AAC a tomar conta da ocorrência. Segundo consta, porque ninguém quer prestar declarações, não roubaram mas vandalizaram.

Já toda a gente percebeu que esta DG não consegue assumir as medidas criadas para assegurar a segurança no Edifício. Venderam-se cedo, e facilmente, às pressões e chantagens comerciais. Uma coisa é certa: se esta DG continuar impotente serão os Estudantes em Assembleia Magna e os Seccionistas, que dependem do Edifício para organizarem as suas actividades, que irão de uma vez por todas resolver o assunto.

O que se anda a passar já começa a cheirar mal.

Anúncios
This entry was posted by Paulo Abrantes.

3 thoughts on “Insegurança volta à AAC

  1. Concordo inteiramente com o texto aqui apresentado.

    Mas nada disto é surpreendente. É uma consequência natural da promiscuídade em que a AAC se meteu. Isto apenas prova que a AAC nem sequer consegue controlar o impacte dessa promiscuídade no interior do próprio edifício que tutela. E o que se passa no exterior do edifício? A AAC tornou-se indesejável para a vizinhança. Repare-se que eu não estou a falar na empresa exploradora dos bares. Isto acontece porque a AAC deslumbrou-se com a maquia que aufere em rendas, mas esqueceu-se dos seus pergaminhos.
    Vejam o filme “Platoon – os bravos do pelotão”. Uma das personagens afirma: “O Inferno é a impossibilidade da razão.”. Quando o dinheiro é a única racionalidade, toda a razão para além do dinheiro fica irremediavelmente comprometida. Acabou, no mínimo, de entrar no Purgatório, porque, o mais provável é que tenha descido às profundezas do Inferno.
    Vem aí Abril. A AAC precisa de um novo 17 de Abril.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: